Blusas para gordinhas – algumas dicas

Quem está com uns quilinhos à mais pode (e deve!) se sentir bonita. Para tal deve sempre procurar usar peças que valorizem seu tipo físico e biotipo. Quando se fala em blusas para gordinhas, muita gente entende que as blusas tem que ser super largas e muito compridas para disfarçar as gordurinhas. Mas o que parece ser um disfarce, se torna um grande problema, porque deixa a silhueta achatada e totalmente desproporcional. Outro ponto importante, é que apesar de ter havido uma melhora considerável neste setor, as mais jovens ainda encontram dificuldades em encontrar peças em tamanhos maiores sem cara de “senhora”. Mas vale a pena dar uma boa pesquisada antes de gastar o seu rico dinheirinho e investir nas peças certas para fazer bonito usando algo cheio de bom gosto e estilo.

Abaixo algumas dicas que podem ajudar bastante no processo de escolha das peças certas por cada gordinha:
.

- Tente fugir do óbvio

Neste quesito se encontram investir somente em cores escuras, e em especial, o preto. É fato que toda mulher, independentemente do seu tipo físico, tem que ter peças em tons escuros e o preto desde que o mundo é mundo, se encaixa como fundamental e chique no guarda roupa de uma mulher. Mas não carregue o visual usando somente peças escuras, e principalmente, tente se manter afastada delas nos dias mais quentes. Vale a pena tentar.
.

- Gordinhas que tem pouco seio

Essas podem ousar com blusinhas tomara que caia, de alcinha ou um ombro só. Blusas com bojo ou com volume na área dos seios como rendas, babados e aplicações, dão a impressão de que os seios são maiores. As blusas de gola canoa também são indicadas, assim como as de modelo ciganinha, com os dois ombros à mostra. Se optar por peças mais sequinhas, sem detalhe algum, faça uso de colares grandes que destaquem o seu troco.
.

- Gordinhas com muito seio

As que tem seios grandes, devem tomar um pouco mais de cuidado com o volume na altura dos seios e muitas informações. Por isso, laços, babados, aplicações, taxas, correntinhas e estampas grandes, não são uma boa idéia. O decote em V, pode ser um grande aliado, assim como sobreposições com blazers, spencers, boleros ou mesmo regatas mais larguinhas.
.

- Cintura marcada

A cintura alta tem sido super marcada nos últimos tempos. Seja com cintos finos, largos ou mesmo com faixas, vemos muitas mulheres nas ruas e nos editoriais de moda com a cintura mas  as que tem seios maiores, assim como as baixinhas, devem evitá-la. Quem tem quadril muito largo, quando marca a cintura, tende a deixá-lo mais em evidência, por isso, o “teste do espelho” se faz necessário.
.

- Transparências

As transparências estão super em alta. Sejam em delicados tules ou mesmo em rendas, as peças transparentes tem uma graciosidade imensa. Mas usar a peça transparente somente com lingerie, é um passo mais do que arriscado para quem pesa um pouquinho mais. Portanto, mesmo que você esteja com uma lingerie linda e que tranquilamente poderia ser mostrada, segure a onda e use uma peça por baixo como forro. Fica chique, elegante e muito mais apropriado. Vale lembrar que a peça de baixo não precisa ser na mesma cor ou no mesmo tom da de cima. O contraste de cores é muito bem vindo.
.

- Barriga de fora

Por mais que seja tentada à isso, fuja da barriga de fora à todo custo. Se a blusa estiver muito curta, opte por um tamanho maior. Andar com a barriga aparecendo não é algo lá muito elegante e principalmente, que combine com uma gordinha. Sendo assim, um comprimento decente é aquele que não te achata e ainda consegue te alongar, que fica pouco acima dos quadris.
.

- Estampas

As estampas muito grandes são uma armadilha cruel pois aumentam muito visualmente. Prefira estampas menores, que são as que mais combinam com gordinhas. Florais com fundo escuro também ficam super bem e tem um toque super moderno de Dark Floral que tanto está em moda. Só não vale misturar colares, pois essas estampas já trazem informação demais consigo. Fica over.
.

- Escolha o sutiã certo

Um fato determinante para que uma roupa fique boa no nosso corpo, é a escolha correta da lingerie. Dependendo da blusa, vá experimentando os sutiãs que tem em casa:  os que deixam os seios mais juntos, mais separados, mais discretos, mais em evidência, mas nunca, nunca mesmo, cometa o erro de usar uma blusa tomara que caia, de um ombro só ou ciganinha com a alça do sutiã aparecendo. E não vale dizer que está usando alças de silicone, pois isso não diminui em nada o estrago. Esse tipo de blusa só fica bem mesmo, com sutiãs sem alça, do tipo tomara que caia.
.

- Ainda sobre o sutiã

Com essa moda da renda tão em evidência, encontramos no mercado várias peças fechadas na frente, com as costas aparentes na parte de trás por conta dos detalhes em renda. Nesses casos o sutiã aparecendo atrás não fica nada legal. Uma blusinha de alça mais fina, pode ser usada por baixo para evitar que esse deslize ocorra. Para as que não querem ter preocupações com o sutiã e preferem andar sem ele, vale uma consideração. Nem toda blusa permite a falta de uso da peça. Evite que seu visual fique sensualizado demais e/ou vulgar.

 

Espero que tenham gostado! ;)

 

Fonte: Tempo Fashion

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

2 thoughts on “Blusas para gordinhas – algumas dicas

  1. Hoje penso formalizar.
    Um empreendedor individual…
    Para poder trabalhar com seus artigos achei muito bonito.
    Estarei aguardo resposta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>